Seleção Ouro Vol.9

                             

1º.  NÃO SEREMOS VENCIDOS
Ozeias de Paula
 
 
Não seremos vencidos (3x)
Nunca mais
Porque recebemos o poder
Através do nome de Cristo
Não seremos vencidos
Nunca mais
 
Atravessamos muitos problemas
Mas a vitória é nossa
Não seremos vencidos nunca mais
Porque recebemos o poder
Através do nome de Cristo
Não seremos vencidos nunca mais
 
Estava o povo reunido
No dia de pentecostes
Quando o fogo do alto
Os encheu ali
E esse poder que hoje é nosso
Nos dará sempre a vitória
Não seremos vencidos
Nunca mais
 

2º. QUE DELICIA
Edison Coelho
 
 
Dos prazeres que existem no mundo
Não existe um que bem satisfaz
Os prazeres do mundo destroem
Corrompem a alma e a morte nos traz
E quem busca os prazeres do mundo
Geralmente preferem sofrer
Pois a cada prazer que consuma
A vida se espuma qual flor a fenecer
 
Que delícia meu Deus que delícia Senhor
È gozar Tua paz
É sentir teu amor´
Maravilha Jesus que delícia sem fim
É a paz que Tu tens dado a mim
 
Mas existe alegria em Cristo
E suprema glorificação
E os que buscam a glória de Cristo
Sorriem e sempre felizes estão
Pois a vida que reina no crente
É a fonte que jorra do céu
E essa vida é bem diferente
aquela que existe no mundo cruel

3º. SONDE-ME
Luiz Carlos
 
 
Sonda-me Senhor
Olha o meu coração
Vê se existe algum caminho mal
Quero te seguir
Com minha vida te servir
Quero estar cheio do teu poder
 
Quero ouvir a tua voz
Quero andar em retidão
O meu coração é teu
Para se renovar
Eu te dou glória a Cristo
Pois teu amor eterno eu sinto
Teu consolo traz
Alegria vida e paz
Limpa o meu coração
Que é teu
 

 
4º. CONCLUSÕES
Eduardo Silva
 
 
Passa o tempo e o tempo vai
Nos trazendo emoções
E o que foi não volta mais
E do muito que restou
Só ficou recordações
 
São lembranças do que foi
Hoje tudo então mudou
Essa vida é mesmo assim
O que passa já passou
A saudade é o que restou
Que ficou dentro de mim
 
Ah quando eu me lembro do passado
Eu fico triste
Quando vejo que daquilo muito pouco existe
O amor já não se vê brilhar nos corações
A quanta saudade do meu tempo de criança
Eu tinha tudo e não sabia que eu tinha esperança
E o que restou são todas essas conclusões

5º. QUEM JÁ VIU
Edison Coelho
 
 
Quem já viu um gota de orvalho
Pousada na corola da flor
Quem já viu um passarinho
Construindo seu ninho com carinho e amor
Quem já viu a chuva caindo
Formando sublimes e imensos caudais
Há de ver porque eu creio e Deus
E em plenos dias meus
Eu canto a paz
 
Quem já viu uma criança de colo
Reconhecer sua mãe em meio á multidão
Quem já viu um louco se acalmar
Apos uma oração
Quem já viu a tempestade ir embora
E o sol voltar e nívea luz
Há de ver o porque
Porque eu creio em Deus
E aceitei Jesus
 
FALADO
 
Quem já viu um crente passar
Levando a fé sorridente a cantar
Quem já viu um navio voltando
E alguém esperando com certeza veraz
Quem já viu um desesperado
Olhar para o alto e encontrar sua paz
há de ver porque eu creio em Deus
E vendo os filhos seus há de ver muito mais
 
 
 
6º. HOJE CANTO
Ozeias de Paula
 
 
Vivi uma vida atribulada
Sem conhecer a luz de Jesus
Tal como peregrino em erma estrada
Segui uma cruz sem Jesus
 
Eu estava perdido e abandonado
Sem ter Jesus no coração
Hoje eu canto
Tenho em mim a salvação
Pela cruz de Jesus
Que veio me trazer perdão
 
Cansado sob tão pesado fardo
Senti um dia a mão de Jesus
Livrando-me pra sempre do pecado
Pregando-os na cruz com Jesus

7º. HAJA PAZ
Sy Miler / Jill Jackson
 
 
Haja paz na terra
Começar em mim
Haja paz na terra
A começar em mim
Irmão nos todos somos
Filhos do mesmo Deus
Juntos pois caminhemos
Na paz que vem dos céu
A começar em mim
Prometo ao meu Senhor
Que a cada passo que eu der
E seja onde for
A cada momento estarei
Vivendo em plena paz e amor
Haja paz na terra
A começar em mim

 
 
8º. SER CRIANÇA
Ozeias de paula
 
 
Ser criança é cantar e viver para o bem
Ser criança é dividir com aquele que não tem
É cantar é sorri é falar do amor
Ser criança é ter perfume como a flor
 
Vem viver a alegria
Toda hora noite é dia
Ser criança é muito mais
E sentir-se bem capaz
De viver como criança todo dia
 
Ser criança é viver
Nessa vida estre irmãos
Ser criança é amar
É cantar está canção
Pois na vida quem tiver
Muita fé no coração
Terá sempre alguém a lhe estender a mão
 
Ser criança é amar
Mesmo aquele que não tempestade
Um motivo pará viver
E amor não tem também
É ser simbolo da paz e vivendo sempre mais
Ser criança é dizer amemos mais

9º. SEI QUE SOU AMADO
Edison Coelho
 
 
Ainda que os meus pais me abandonassem
Tem alguém que não se afastará de mim
Ainda que no mundo eu só pecasse
Ele é bom e me ampara mesmo assim
Ainda que os montes se transportem ou se abalem
Suas santas mãos angelicais me valem
 
Sei que sou amado
Com amor profundo com amor infinito
Poe alguém tão lindo
Transmite tanta paz seu meigo olhar de luz
Eu vou dizer seu nome
Eu nome é Jesus
 
Ainda que eu fosse abandonado
Não seria esquecido em meu viver
Teria o carinho imaculado
De alguém que nuca vai me esquecer
Ainda que o mundo inteiro fosse destruído
Em seus braços estaria protegido
 

 
10º. DEUS TEM TANTO AMOR
Edison Coelho
 
 
Eu vejo o retrato deste mundo
Um abismo profundo tragando o pecador
E vejo qual ovelhas sem pastor
Os homens morrendo numa arena de dor
 
Enquanto eles insistem nesta estrada
Eu vejo cravado lá no monte uma cruz
E em grande agonias o Messias
O salvador de todos nós Jesus
 
Deus tem tanto amor pra dar
Deus tem tanto amor pra dar
Porque seu filho deu
O qual morreu parta nos salvar
Deus tem tanto amor pra dar
 
 
Mas no deserto agreste deste mundo
Nosso Deus plantou e regou sua linda flor
A Rosa de Saron de olor sem fim
Que no jardim de Deus se chama amor

11º. PODE SER
Edison Coelho
 
 
Pode ser que eu venha chorar novamente
Pode ser que meu corpo se abale no nundo descrente
Pode ser que o sol desapareça
E a relva não cresça na terra sem luz
Eu jamais deixarei de adorar e de crer em Jesus
 
Pode ser que os homens prefiram a guerra
E cultivem o ódio cruel sobre a face da terra
Pode ser que o homem prefira o mal e a mentira
E quem as produz
Eu jamais deixarei de te adorar e de crer em Jesus
 
Pode ser que as portas se fechem em meu caminhar
E que os homens cruéis não me deixem
Por Ele entrar
Pode ser que os inimigos mantenham
Tais portas fechadas
E que construam muralhas de ferro
Nas minhas jornadas
Pode ser que tudo desabe
E o mundo se acabe
E me preguem na cruz
Eu jamais deixarei de adorar
E de crer em Jesus
 
 
 
12º. FORÇA PRA TE SEGUIR
Edison Coelho
 
 
Se tu tiver um dia que escolher
Entre o teu amor e o mundo aqui
Dá que eu entregue todo o meu ser
Para dedicar somente a ti
Se eu tiver um dia que renunciar
Todos os prazeres do meu corpo até
Dá que eu consiga só pensar em ti
É somente isso que minh'alma que
 
Se tu me exiges que eu despreze o eu
E se tu me mostras onde devo ir
Dá que eu não pense no conforto meu
Faça-me ter forças para te seguir

13º. CRISTO ALEGRIA DO CRISTÃO
Isaias Francisco
 
 
Não é preciso mais ficar assim tão triste
O nosso Deus é vivo sei que Ele existe
Oh não consintas que tristezas venham dominar teu ser
Ore a Deus com todo o poder
 
Se tu buscares terás o que precisas
Ele bem sabe o que tu necessitas
Se tu buscares confiares terás
A alegria para todo o teu viver
Se tu buscares confiares terás
A alegria para todo o teu viver
 
Não há tristeza que resista quando Cristo
Com alegria entra em um ser contrito
Vá insistindo cada dia que consolo te dará
Em alegria breve fruirás
 
 
 
14º. VENCI
Isaias Francisco
 
 
Irmão quero falar-vos
Uma coisa que Cristo me concedeu
Deu-me a paz consolação
Alegria para o meu triste coração
 
Venci venci
Jesus minha alma já salvou
Venci venci
E o inimigo de mim
 
Agora estou liberto
Deste mundo de pecado de horror
Porque Cristo tão amoroso
Deu a vida para ser o meu salvador

15º.  ALELUIA
Luiz Jannuzi
 
 
Quero ver o mundo
Esquecer toda tristeza por um dia
E olhar o sol nascer
Fonte de alegria surgirá naquele dia
De amor aleluia
 
Toda a beleza
Todo amor toda pureza
Que existem
São as provas pra mostrar
O poder de Deus que é eterno e supremo
Neste mundo aleluia
 
E agora nós vamos encontrar a paz
Que buscamos sem cessar
Você é feliz
E eu sou feliz
E o céu é nosso aleluia
 

 
16º. OLHA
Agnaldo
 
 
Olha você precisa de um Deus
Eu tenho um para lhe dar
Porque você não vem e aceita
Olha teu coração está ferido
A tua alma abatida
Mesmo assim Ele quer te salvar
Olha as suas mãos bem estendidas
Estão querendo dar-te ajuda
porque você é triste assim
Olha não vê que Ele está querendo
Levar-te pra lugar seguro
Onde não haverá mais luta
Olha não vê que Ele está querendo
Levantar-te para lugar de gozo
Onde o descanso é eternal

17º. PARA ISTO EU TENHO JESUS
Otoni de Paula
 
Quando o Mar desta vida
A mim quer tragar
Para isso eu tenho Jesus
Quando lutas aqui
Querem me ossombrar
Para isto eu tenho Jesus
 
Para isto eu tenho Jesus
Que velando por mim sempre está
Caminhando ao calvário
Carregando a cruz
Para isto eu tenho Jesus
 
Quando venho sentir
Sofrimento e dor
Para isto eu tenho Jesus
Se tristeza me invade
Se a mim vem dissabor
Para isto eu tenho Jesus
 
 
 
18º. COMO RAIOS DE LUZ
Ozeias de Paula/Manoel Bonilla
 
Como raios de luz viste-me Jesus
Quando necessitei de teu terno perdão
Já não podia amar nesse mundo vil
Porém viste Jesus e me deste perdão
 
Senhor graças Te dou
Por dar-me Teu infinito amor
Senhor agora Te rogo eu
Teu amor e poder para poder vencer

19º. DIAS MELHORES VIRÃO
Edison Coelho
 
 
Um dia na face da terra
Não hei de ver guerra matar meu irmão
Um dia não sentirei dores
Nem hei de ver flores pisadas no chão
 
Descansa minh'alma descansa
Se Cristo Jesus é tua canção
Segue rumo à eternidade
De felicidade canta então
 
Um dia não mais as fronteiras
Serão as barreiras de cada pais
Um dia a humanidade
Achando a verdade será mais feliz
 
Um dia a alma que chora
Verá a linda aurora raiar muito além
Remida será consolada na eterna morada
No império do bem
 
 
 
20º. CEM OVELHAS
Ozeias de Paula
 
 
Eram cem ovelhas juntas no aprisco
Eram cem ovelhas que amante cuidou
Porém numa tarde ao contá-las todas
Lhe faltava uma Lhe faltava uma
E triste chorou
 
As noventa e nove deixou no aprisco
E pelas montanhas a buscá-la foi
A encontrou gemendo tremendo de frio
Curou suas feridas pôs logo em seus ombros
E ao redil voltou
 
Essa mesma história volta a repetir-se
Pois muitas ovelhas perdidas estão
Mas ainda hoje o Pastor amado
Chora tuas feridas
Choras tuas feridas
E quer te salvar